Dow Jones 0,061% 22.660 pts
S&P 500 -0,261% 2.545 pts
Nasdaq -0,807% 6.588 pts
Ibovespa -0,929% 75.688 pts
Dólar R$ 3,238
Euro R$ 3,808
Veja Mais

Você sabia que pode investir no exterior com apenas US$ 5 mil? Aprenda como

Você sabia que pode investir no exterior com apenas US$ 5 mil? Aprenda como
(Shutterstock)

Diversificação internacional de investimentos é uma tendência fortíssima no exterior e está sendo adotada no Brasil também

SÃO PAULO – O mercado de ações americano passa por um dos melhores momentos de sua história. Recentemente, os índices Dow Jones, Nasdaq e S&P 500 conseguiram atingir suas máximas históricas em um movimento que acontece em meio a expectativas de uma massiva reforma nos impostos sobre as empresas locais. Se essa e outras mudanças saírem das intenções da Casa Branca para se tornarem realidade, os analistas são unânimes: as altas de agora serão apenas o início de um excelente movimento. Na Europa, o mercado também opera para cima, com as grandes economias locais, como a Espanha e a Alemanha, por exemplo, finalmente encontrando um caminho de crescimento econômico sustentável. Todos esses motivos serviriam de justificativa para internacionalizar os investimentos, mas eles são meramente conjecturais.

Além da tendência atual de alta, o que o brasileiro precisa entender é que internacionalizar seus investimentos é se expor a moedas mais fortes que o real, como o dólar ou o euro, por exemplo, proteger seu dinheiro contra qualquer problema doméstico e ainda encontrar uma diversificação enorme. Quem quer investir em tecnologia, ao olhar para o mercado em São Paulo, encontrará pouquíssimas opções interessantes, a grande maioria de companhias de pequeno e médio porte. Em Nova York, é possível aplicar nos papéis de gigantes como a Apple, Netflix, Amazon, Microsoft, Facebook ou a Tesla, apenas para mencionar alguns exemplos. O mesmo vale para uma infinidade de outros setores: automobilístico, petroquímico e de energias alternativas são alguns deles.

O que a imensa maioria dos brasileiros não sabe é que, sim, é possível aplicar no exterior de maneira legal, segura e bastante simples com um valor inicial de apenas US$ 5 mil – cifra bastante acessível para a grande maioria dos investidores no Brasil. A missão principal do FinNews é educar o máximo de pessoas sobre este tema e por isso, como editor desta publicação, tenho o prazer em convidá-lo para acompanhar nosso curso sobre investimentos no exterior e aprender muito mais sobre o assunto!

Dê a sua opinião!

16 1
Foto de perfil de Leonardo Uller
Escrito por
Jornalista econômico vencedor do prêmio Especialistas da revista Negócios da Comunicação no setor Financeiro em 2015. É o editor responsável pelo FinNews. E-mail: leonardo.uller@finnews.com.br

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados *

Você também pode utilizar estas HTML tags e atributos <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Senha perdida

Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.