Dow Jones 0,061% 22.660 pts
S&P 500 -0,261% 2.545 pts
Nasdaq -1,120% 7.713 pts
Ibovespa -0,284% 85.135 pts
Dólar R$ 3,315
Euro R$ 4,040
Veja Mais

Porque o crescimento de Marine Le Pen na França assusta o mercado

Porque o crescimento de Marine Le Pen na França assusta o mercado
(Shutterstock)

Candidata com uma plataforma francamente populista pode ser um grande problema para investidores na Europa

SÃO PAULO – O populismo volta a rondar o cenário eleitoral em 2017. Desta vez, a principal ameaça que tem assustado os investidores é a política francesa Marine Le Pen, aponta o site CNN Money. E esse medo tem aparecido no mercado de títulos, com os investidores vendendo papéis do governo francês com o medo de que a política de extrema-direita consiga superar as expectativas e vencer a eleição presidencial.

A diferença nos yields entre a os papéis da França e da Alemanha é a maior em quatro anos, mostrando que o mercado enxerga, nesse momento, a primeira nação como um investimento muito mais arriscado do que a segunda. Le Pen, líder do partido Frente Nacional, lançou sua campanha oficialmente no último domingo (5) atacando a globalização, a imigração e a OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte), em retórica parecida com a do americano Donald Trump.

Ela ainda quer que a França abandone o euro, em um evento que deixaria muitas dúvidas sobre o futuro da moeda europeia. Ela também propôs um referendo para avaliar a permanência do país na União Europeia. Uma saída da França do bloco seria ainda mais danosa que a do Reino Unido, uma vez que a nação é uma de suas fundadoras e a segunda maior economia da Zona do Euro.

Entre as promessas de Le Pen está um “protecionismo inteligente”, que teria como intenção promover os negócios franceses, uma taxa em empresas que contratem estrangeiros, redução drástica na imigração do país e cortes de impostos.

A política conseguiu um impulso em sua campanha após notícias de que seu principal oponente, o candidato de centro-direita François Fillon, estaria envolvido em um esquema de corrupção com sua esposa – o casal nega as acusações. No primeiro turno, a expectativa é que a líder da Frente Nacional se saia em primeiro lugar, mas em um segundo turno ela perderia para os outros candidatos, indicam as pesquisas atuais. O candidato de centro Emmanuel Macron também tem emergido como um forte candidato.

Dê a sua opinião!

10 1
Foto de perfil de Leonardo Uller
Escrito por
Jornalista econômico vencedor do prêmio Especialistas da revista Negócios da Comunicação no setor Financeiro em 2015. É o editor responsável pelo FinNews. E-mail: leonardo.uller@finnews.com.br

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados *

Você também pode utilizar estas HTML tags e atributos <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Senha perdida

Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.