Dow Jones 0,061% 22.660 pts
S&P 500 -0,261% 2.545 pts
Nasdaq -0,127% 7.849 pts
Ibovespa -0,284% 85.135 pts
Dólar R$ 3,315
Euro R$ 4,040
Veja Mais

Confira 3 gigantes da bolsa dos EUA para comprar em dezembro e lucrar com dividendos

Confira 3 gigantes da bolsa dos EUA para comprar em dezembro e lucrar com dividendos
(Wikimedia Commons)

Para entrar na seleção de investimentos, é necessário que as empresas aumentem seu pagamento e dividendos há cerca e um quarto de século

SÃO PAULO – O colunista do site Motley Fool Dan Caplinger listou três tradicionais ações pagadoras de dividendos dos EUA para os investidores comprarem no mês de dezembro. As indicações são a Medtronic, a 3M e a Enbridge. Para fazer parte da lista, é necessário ter um histórico de aumento no pagamento de dividendos de pelo menos 25 anos.

Medtronic
A gigante médica é realmente uma ação para ficar de olho nesse mês. Os resultados trimestrais da empresa vieram abaixo das expectativas. No entanto, essa fraqueza é vista pelo Motley Fool como temporária, uma vez que ela segue apresentando crescimento em vendas e em lucro ajustado, além disso, ela acabou de anunciar a aprovação do primeiro pâncreas artificial nos EUA, o que pode mudar completamente a vida de pessoas com diabetes do tipo 1. A companhia ainda eleva seu pagamento de dividendos há 39 anos.

3M
Caplinger comenta que o setor industrial vem registrando altas desde as eleições nos EUA e a 3M sobe cerca de 6% desde o mês passado. Apesar de preocupações sobre se a empresa se beneficiará de melhorias no setor de infraestrutura e construção no país, o colunista pontua que, em sua história, a 3M tem um histórico consistente de inovação que pode ajudar. A companhia conta com um histórico de aumentar seu pagamento de dividendos há impressionantes 58 anos.

Enbridge
A gigante canadense distribuidora de petróleo teoricamente não entraria na seleção, uma vez que aumenta seu pagamento de dividendos a “apenas” 21 anos seguidos. No entanto, a empresa não apenas tem uma história longa de crescimento de proventos, como entregou um crescimento médio anual de pagamento de 10,6% ao longo das duas últimas décadas. No momento atual, a companhia passa por um enorme programa e expansão que a transformará na maior companhia de infraestrutura de energia na América do Norte, aponta o Motley Fool.

Dê a sua opinião!

1 0
Foto de perfil de Leonardo Uller
Escrito por
Jornalista econômico vencedor do prêmio Especialistas da revista Negócios da Comunicação no setor Financeiro em 2015. É o editor responsável pelo FinNews. E-mail: leonardo.uller@finnews.com.br

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados *

Você também pode utilizar estas HTML tags e atributos <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Senha perdida

Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.