Dow Jones 0,061% 22.660 pts
S&P 500 -0,261% 2.545 pts
Nasdaq -0,072% 7.854 pts
Ibovespa -0,284% 85.135 pts
Dólar R$ 3,315
Euro R$ 4,040
Veja Mais

CEO da Ford revela sua maior preocupação sobre carros autônomos

CEO da Ford revela sua maior preocupação sobre carros autônomos
(Shutterstock)

Para executivo, o momento em que o primeiro veículo for lançado pode ser determinante para a indústria como um todo

SÃO PAULO – A Ford (F.N) tem focado bastante em desenvolver carros que dirigem sozinhos, com expectativa de lançamento para 2021. Existem várias outras empresas focando nesse setor, o que faz com que haja uma pressão sobre qual será a primeira montadora que lançará um carro autônomo. Em entrevista ao Business Insider, o CEO (Chief Executive Officer) Mark Fields revelou qual é seu maior medo em relação aos veículos que dirigem sozinhos.

“O assunto de veículos autônomos é simplesmente jogado na indústria. Quero dizer, existem cinco níveis de autonomia. Meu único medo é que, no setor, alguém tente lançar um deles antes que esteja pronto e aconteça um problema”, pontua o executivo. E é exatamente esse medo que faz a empresa ter uma abordagem diferente no assunto.

Muitas montadoras estão desenvolvendo sistemas autônomos nível três em seus veículos antes de tentarem a autonomia total. Nesse caso, o carro dirige sozinho em alguns cenários, como na estrada, mas ainda precisam de controle humano em outras situações. Já a Ford está se preparando para o nível quatro, onde os veículos não terão freio, acelerador ou volante e poderão operar em uma área pré-determinada sem intervenção humana.

“Uma das razões pelas quais não estamos buscando o nível três, que é semelhante ao piloto automático da Tesla, é que nós ficamos presos na questão ‘como fazer de forma responsável e sem intervenção do motorista?’”, declarou. “Por isso acreditamos que ir para o nível quatro é realmente importante, porque nos faz pensar em como fazer de forma segura, eficiente e aceitável para os consumidores”.

Com a segurança como foco principal, Fields não se mostra tão preocupado sobre a questão de não haver compradores para carros autônomos. Para ele, existirão pessoas que seguirão comprando seus próprios veículos como sempre houve ao invés de dividir carros.

Dê a sua opinião!

0 0
Foto de perfil de Leonardo Uller
Escrito por
Jornalista econômico vencedor do prêmio Especialistas da revista Negócios da Comunicação no setor Financeiro em 2015. É o editor responsável pelo FinNews. E-mail: leonardo.uller@finnews.com.br

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados *

Você também pode utilizar estas HTML tags e atributos <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Senha perdida

Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.