Dow Jones 0,061% 22.660 pts
S&P 500 -0,261% 2.545 pts
Nasdaq -0,046% 7.826 pts
Ibovespa -0,284% 85.135 pts
Dólar R$ 3,315
Euro R$ 4,040
Veja Mais

3 empresas de tecnologia para investir em 2017 e lucrar mais

3 empresas de tecnologia para investir em 2017 e lucrar mais
(Shutterstock)

Colunista levanta boas escolhas de investimento de empresas já consolidadas mas que podem crescer muito mais

SÃO PAULO – Após o bom desempenho no mercado de ações nos EUA em 2016, como se posicionar nesse momento? O colunista do site americano Motley Fool Andrew Tonner lista três ações de tecnologia de companhias bastante conhecidas para aplicar em 2017 e ganhar mais dinheiro.

1 – MercadoLibre (MELI.OQ)
A empresa, é descrita como o “eBay da América Latina” e é uma das favoritas do colunista em relação a crescimento. Ele aponta que, nos últimos anos, a companhia mostrou a habilidade de gerar crescimento consistente e acima da média, aumentando suas receitas e lucros mesmo em um cenário cambial mais difícil.

Além disso, a estimativa é que o mercado de e-commerce na região dobre de 2015 a 2019 e, assim, a posição de liderança da MercadoLibre a deixa no caminho perfeito para lucrar com este movimento. Assim, para quem decidir ter uma exposição na América Latina, esta pode ser uma excelente escolha.

2 – Netflix (NFLX.OQ)
Mesmo chegando a um ponto de inflexão nos próximos tempos se tornando uma empresa consistentemente lucrativa, a ação do Netflix ainda é uma aposta de crescimento e tem muito espaço para se valorizar na bolsa. O modelo da provedora de vídeos é inegavelmente lucrativo e ele deverá formar uma estrutura segura no futuro, mesmo que seus gastos no exterior no momento possam fazer parecer que ele seja um papel caro demais no momento.

A empresa espera passar a marca de 91 milhões de contas ativas em seu próximo trimestre, com bastante espaço para crescer nos 190 países em que opera. Além disso, inovações como liberar o conteúdo para download, por exemplo, devem ajudar os negócios da empresa. A expectativa do mercado é que as vendas do Netflix cresçam 30% neste ano e 24% no ano que vem.

3 – Facebook (FB.OQ)
Em qualquer métrica, o Facebook continua a demonstrar que está se tornando a maior plataforma de anúncios online do mundo após o Google. No mais recente trimestre, as vendas da empresa subiram 59%, chegando a US$ 6,8 bilhões, com expectativa de crescimento de mais 50% em 2017.

Adicionalmente, as plataformas de comunicação que a empresa detém, como o WhatsApp, Facebook Messenger e Oculus ainda precisam acelerar seus esforços de monetização para assim trazer mais potencial de longo prazo para a empresa. De 2016 a 2020, espera-se que o mercado de anúncios online se eleve de US$ 68 bilhões para US$ 105 bilhões e, com isso, o Facebook segue sendo outra escolha de crescimento, mesmo com seu tamanho massivo atualmente.

Dê a sua opinião!

6 2
Foto de perfil de Leonardo Uller
Escrito por
Jornalista econômico vencedor do prêmio Especialistas da revista Negócios da Comunicação no setor Financeiro em 2015. É o editor responsável pelo FinNews. E-mail: leonardo.uller@finnews.com.br

Deixe uma Resposta

Seu e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados *

Você também pode utilizar estas HTML tags e atributos <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Senha perdida

Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.